segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

A Troca e Comentários Sobre Globo de Ouro


Nos primeiros dez ou quinze minutos de A Troca, somos guiados pela vida de Christine Collins (Angelina Jolie) e seu filho Walter Collins (Gattlin Griffith). Mãe solteira, ela cria o filho como se este fosse (e é) a sua razão de viver. A relação entre eles é linda, mas todo o ambiente maternal e filial será convertido num ambiente angustiante quando, ao voltar do trabalho, Christine se depara com seu filho desaparecido. A partir daí começa a busca fervorosa de uma mãe pela pessoa que mais ama na vida. Após umas semanas de desaparecimento, ela recebe a notícia de que Walter está vivo e que retornará ao lar. Mas ao se encontrar com a criança encontrada, de pronto, Christine afirma que não é seu filho. A Troca, novo filme de Clint Eastwood, nos prende na poltrona durante suas mais de duas horas de reprodução e nos presenteia, a cada cena, com diálogos excelentes – os quais vão além do desaparecimento do garoto.

Apresentando uma falhazinha aqui e acolá, o roteiro de J. Michael Straczynski baseia-se na história real desta mãe, a qual foi e voltou ao inferno várias vezes movida pela esperança de encontrar seu filho. Mas seria tão complicado às autoridades admitirem ter encontrado a criança errada e reiniciar as buscas? Estamos no fim da década de 20; uma época onde quem detinha o poder – seja policial ou político – era praticamente intocável e onde a voz feminina de nada valia. Desafiando a polícia e afirmando que as autoridades realmente a enganaram em mandar o garoto errado, Christine é mandada a um manicômio com um atestado muito discutível. Lá, ela conhece internas que só foram trancafiadas por terem feito algo “contra” as autoridades locais. Mas graças ao Reverendo Gustav Briegleb (John Malkovich), ela é liberada da clínica e, obviamente, com a ajuda de Gustav, voltará a procurar Walter. A partir daqui, o texto pode conter spoiler. Paralelamente a isto, um detetive é mandado a um rancho para prender um garotinho que está ilegal nos Estados Unidos. Entretanto, este guarda um segredo absurdamente chocante e, numa cena espetacular, conta ao detetive que seu primo, Gordon Northcott (Jason Butler Harner), o obrigou a assassinar vinte crianças a troco de nada. Ao mostrar fotos para que o menino identificasse-as, o detetive fica chocado ao saber que um dos meninos é Walter Collins e fica ainda mais pasmo quando o garoto informa que dois ou três conseguiram fugir. Resumindo, encontram o tal Gordon Northcott, o qual é totalmente perturbado e insano, e ele é condenado à forca, sendo que no seu julgamento, diz que nunca fez mal a Walter e que este é um anjo. Isto impulsiona Christine a nunca mais desistir de procurá-lo e o desfecho não poderia ser mais coerente.
Fim dos possíveis spoilers.

O roteiro se faz quase que genial por conseguir colocar em evidência não só o desaparecimento do garoto, mas sim todas as questões antiéticas acerca da polícia e política naquela época. Clint Eastwood, que pra mim é fenomenal, utiliza um modelo clássico de filmagem em termos de movimentação e posicionamento de câmeras, mostrando tudo sem firulas e construindo closes irretocáveis. O próprio Clint compôs a trilha sonora que apesar de ser doce, sempre nos prepara para um momento de aparente luto e angústia. Na realidade, toda a parte técnica é majestosa, com destaque aos figurinos, à direção de arte e à fotografia. O elenco secundário é fantástico: John Malkovich com uma gana de atuação e o ator meio desconhecido Jason Butler Harner quase rouba a cena. Sabem o que mais me irritou? Alguns dos amigos blogueiros sabem que sou fã incondicional da atriz Angelina Jolie. Mas consigo deixar isso de lado, analisar imparcialmente e, mesmo assim, digo que Angelina está excepcional! Em cada olhar angustiante e diálogo emocionado ela supera seu excelente trabalho anterior (O Preço da Coragem) e atua de forma ímpar. E é isto que me irrita, pois sei que alguns irão dizer que só acho isso por ser fã. Mas posso garantir que consigo separar. Confesso, inclusive, que chorei em várias passagens e também confesso que este é um dos melhores filmes atuais de Eastwood.


Nota: 8,5


Changeling; EUA, 2008; DRAMA; de Clint Eastwood; Com: Angelina Jolie, Jason Butler Harner, John Malkovich, Gattlin Griffith, Michael Kelly, Colm Feore.

_________________________________________________

Sobre a Cerimônia do Globo de Ouro 2009: nenhuma surpresa, a não ser a dupla vitória de Kate Winslet (por O Leior e Foi Apenas Um Sonho) e de Anna Paquin pela comentadíssima série True Blood. O filme britânico Slumdog Millionaire, de Danny Boyle, sai consagrado com quatro prêmios, incluindo Filme – Drama e Direção. Não fiquei muito feliz, no entanto, com a vitória de Vicky Cristina Barcelona na categoria Melhor Filme - Comédia/Musical. Na Mira do Chefe e Queime Depois de Ler são superiores, a meu ver. Para conferir a lista completa de vencedores, clique aqui.

21 comentários:

Sérgio Déda disse...

Kau... gostei bastante de A Troca tb, não entendo pq muita gente vem massacrando o longa... não vejo motivo algum. Me surpreende a facilidade que Clint tem... pode soar estranho oq eu vou falar agora... de pegar clichês, usá-los e ainda assim a cena não ficar clichê hehehe.

Sobre o GG já assisti Slumdog millionaire e considero o filme uma obra-prima, desde já todos os prêmios são merecidos, mas fiquei triste em ver Benjamin button de mãos vazias, na minha opinião o único longa que pode vim a superar Slumdog no ano.

Abraços

Museu do Cinema disse...

Tô querendo ver esse A Troca, Clint é sempre Clint!

Yuri Dias disse...

Kau, assim que ver o filme venho em sua defesa xD Duvido muito eu não gostar de A Troca, sou fã do Clint Eastwood, muito, e pobre Angelina, num filme ela vai em busca do marido sequestrado agora é o filho, a mulher tá é sofrendo. E sofrendo de forma brilhante (pelo menos n'O Preço da Coragem).

Quanto aos Globos, concordo que a maior surpresa foi o double-Kate Winslet, e como o Vinícius tinha dito, Slumdog Millionaire faz o estilo da Foreign Press, ainda não vi, mas em breve ^^

Abraços.

Romeika disse...

Pow, Kau, acabei lendo mais do que eu queria ler sobre "A Troca"! hehehe Coloca aih um aviso no meio do texto "nao leia se ainda nao viu o filme":-)

De qualquer maneira, o texto me deixou com maiores expectativas, depois de algumas criticas mais negativas q tinha lido.

Com relacao ao globo de ouro, adorei a vitoria do filme do Woody Allen. Nao gostei muito de "In Bruges" (o filme me conquistou mais ao fim), e adorei "Burn After Reading", mas Vicky eh um dos meus favoritos do ano. Estou ansiosa pelo filme do Danny Boyle! Bjs!

Vinícius P. disse...

Realmente a composição de personagem do Jason Butler Harner é muito interessante, acho que é o melhor aspecto da fita, ao lado da atuação da Angelina Jolie (que é boa, mas não merecia indicação a prêmio algum). De resto, considero "A Troca" um filme datado antes mesmo de estrear. Abraço!

Otavio Almeida disse...

Adorei o Globo de Ouro!

Mas A TROCA é bom. É o mais fraco dos últimos filmes de Clint! Mas, ainda assim, bom filme!

Abs!

cinevita disse...

É refrescante ler elogios à "A Troca", fico até ansioso pra assistir.

E eu adorei o GG, Kate Winslet rules!

Ciao!

Red Dust disse...

'A Troca' estreou por cá a semana passada. Está na lista... não sei é será visto numa sala de cinema ou em DVD... :)

Abraço.

Robson Saldanha disse...

quero ver A Troca, parece realmente ser um bom filme. sobreo Globo de Ouro, deixando de lado minhas apostas, eu não gostei de Mikey e Colin terem ganho.

Kau disse...

Sérgio, concordo sobre A Troca. Clin consegue sair dos clichês. Slumdog está quase no ponto por aqui... até amanhã eu assisto e a ansiedade só aumenta! Abraços.

Cassiano, vale a pena!

Yuri, espero que assista logo. Eu adoro a Jolie, hahahahaha. Acho que ela é bem subestimada. Sobre a Kate, tenho alguns problemas com ela, mas fazer oq. Abraços!

Romeika, mil desculpas!!! Já coloquei o aviso de spoiler, ok?! Bom, eu adorei In Bruges; um roteiro espetacular e uma direção quase perfeita. Colin numa bela atuação... Beijos!

Vinícius, acho o contrário. A Troca tem um tema batido, mas é dirigido com uma sensibilidade e originalidade incríveis. Não vi quase nenhuma atriz que "concorre" com Angelina, então não poderei dizer se ela merece ou não. Mas que está maravilhosa, está. Abraços!

Otavio, como eu disse, achei A Troca um dos melhores de Clint. Abraços!

Wally, acho que você irá gostar do filme. O GG foi legal, apesar de ter algumas ressalvas acerca de Kate, rsrsrs. Abraços!

Red, não importa se em cinema ou DVD: assista! Hahahahahahahahaha. Abraços!

Robson, eu sou muito fã do Mickey. Inclusive, queria voar no Rubens Edwald Filho quando ele chamou-o de freak, aberração. Enfim... hahahhahaha. Colin tem, em In Bruges, a melhor atuação da sua vida (junto com O Sonho de Cassandra). Acredito eu que tenha merecido e muito. Abraços!

Pedro Henrique disse...

Para dizer se a Jolie é merecedora das indicações que recebeu até agora só assistindo os filmes das outras concorrentes, o que ninguém deve ter feito. Eu já vi A Troca e O Casamento de Rachel e digo que ela está bem melhor que a Anne Hathaway. Aliás, a Cate manda melhor que a Anne em Benjamin Button.

jeff disse...

Kau, quando eu ver o filme leio e digo o que achei. Espero resolver isso quinta-feira. Mas não tô vendo notas tão altas como as suas por aí não...

Já eu vibrei quando VCB levou o prêmio! hehe E amo a Kate, mas bem que um Globo de Ouro daquele deveria estar na mão da Penélope Cruz. =/

[]s!

Matheus Pannebecker disse...

Kau, você também já sabe a minha opinião sobre esse filme. Apesar da minha nota baixa e da minha crítica quase que o massacrando, gostei de "A Troca". Só acho que o longa tem o sério problema de estar meio perdido no tempo, é um filme que conta uma história que já cansamos de assistir! Destaco, claro, o ótimo desempenho da Jolie.

Marcel Gois disse...

Ainda não vi "A Troca". Mas gostei muito do GG. A vitória dupla da Kate foi o que de melhor aconteceu na noite. xD

Kau disse...

Pedro, exatamente! Não digo que Angelina merece nada, pois não vi as demais. Abraços!

Jeff, tem gente dizendo que o papel de Kate em O Leitor é o melhor da década Oo Abraços!

Matt, discordamos bastante né? Mas isso é normal. Não acho que tenha problema cronológico, juro!

Marcel, sabia que vc ia adorar o duble da Kate!!!!

Pseudo Critico disse...

Finalmente Kau, um cinéfilo que não quer bancar o "culto" e admite que também é fã de Angelina... acho que ela já demonstrou pra quem quiser ver o quão talentosa é... só não sabe escolher muito bem os projetos dela... Mas "Changeling" e "A mighty heart" tão ai pra mostrar que talentosa ela é... FATO... depois de "Slumdog millionaire", Changeling é o meu filme favorito, dessa leva de prêmios... achei um absurdo ficar de fora das categorias de Filme e roteiro, nas premiações por ai...

Kau disse...

Régis, obrigado pela visita! Eu nunca escondi de ninguém que acho Jolie uma atriz excelente. Gia - Fama e Destruição, Gorota Interrompida, O Preço da Coragem e A Troca provam isso com sobras!! A Troca fica lá pelo 4º lugar dentre os filmes da temporada que vi...

Mayara Bastos disse...

Olá, Kau! Tdo bem?

Ainda não vi "A Troca", estou muito curiosa, gosto muito dos filmes do Clint e tenho certeza que neste ele não errou, e acho que ultimamente Angelina Jolie está escolhendo bem seus papéis, vi esses dias "O Preço da Coragem" e ela estava muito bem no filme.

Sobre o Globo de Ouro, infelizmente, vi a premiação com os comentários "maravilhosos" de Rubens Edward Filho. Mas achei muito previsível, exceto os dois prémios para Kate Winslet. Em TV, já estava na cara quem iria ganhar, excetoa a surpresa da vitória de Anna Paquim.

Fique bem, beijos! ;)

Régis disse...

Pois é, Kau... é que geralmente comunidade cinéfila tende a execrar a Jolie... poucos admitem que gostam dela... eu adoro, simplesmente... sendo sincero, achei essa temporada de filmes meio fraquinha... "Milk" e "Frost/Nixon" eu daria 3.5 de 5.0... os únicos que realmente se destacaram na minha opinião foram "Changeling", "Slumdog..." e "Revolutionary road", tirando aquele final escabroso...

"Doubt" ainda não vi... "Benjamin Button" tbém achei ótimo, mas ficou faltando algo...

Kau disse...

Mayara, tudo ótimo e vc? Acho que irá gostar bastante de A Troca. E eu tenho uma raiva mortal do REF!!! Eita comentarista irritante... Beijos!

Régis, ainda não vi muita caisa da temporada. Até agora, Gomorra lidera com 9,8 seguido de Slumdog com 9,0. Até o fim da semana vejo Foi Apenas Um Sonho e Benjamin Button.

Régis disse...

Ah é, esqueci de dizer que também detesto o REF...